Entrevista com Paulo Ferreira

.
Créditos: Mr. Lampard

O contratado mais antigo do Chelsea esperou bastante por uma oportunidade nessa temporada e essa oportunidade chegou. Renovado do jogo mais importante nesta temporada em Old Trafford, Paulo Ferreira falou com o site oficial do Chelsea.



José Bosingwa, Branislav Ivanovic, Juliano Belletti, Michael Essien e, também pode-se argumentar, jovens como Sam Hutchinson e Jeffrey Bruma – todos eles são jogadores que poderiam, se encaixar na lateral direita nesta temporada. O certo é que Paulo Ferreira enfrenta uma concorrência muito forte na posição de lateral nessa temporada.


Os 90 minutos de Paulo no sábado podem ser considerados uma importante contribuição para a luta pelo título, mas durante muito tempo parecia que a temporada apenas se passava diante do jogador de 31 anos de idade.

A Champions League não têm lugares suficientes para acomodar no elenco um jogador voltando de uma ruptura do ligamento cruzado que Paulo sofreu na segunda metade da campanha anterior. Na primeira temporada com Bosingwa como primeira escolha e seguido pelo surgimento de Ivanovic que foi impressionante nessa posição, Paulo era o menos provável para obter a função de lateral-esquerdo.

“Para um jogador que está acostumado a jogar é difícil”, admite Paulo, ele considera o progresso de sua sexta temporada no Chelsea, mas você precisa ser profissional e você precisa saber que no futebol existem altos e baixos. Quando você está para baixo é quando você tem que começar a trabalhar mais duro para mostrar que você pode começar a jogar novamente.


“Você precisa de uma mentalidade forte. Você precisa saber que você está em um grande clube, com jogadores de alto nivel onde todos podem jogar e você precisa esperar por sua oportunidade, e é isso que eu fiz”.
“Mesmo agora que eu estou jogando eu preciso continuar trabalhando duro, mas se você é um jogador que não está jogando e você cruza os braços e diz para si mesmo que acabou, será difícil para você jogar novamente.”

Um jogador muito tranqüilo, um dos personagens mais calmos em volta do campo de treinamento, e um jogador cujo início de carreira floresceu sob a ética exigente da equipe formada por José Mourinho, ele encontrou em si mesmo a resposta para ficar focado no treinamento todo dia e manter-se em alto nível pronto para ser escalado ou não, tudo tem que vir como uma surpresa.

Sua recompensa e primeira oportunidade foi deixada quando Yury Zhirkov juntou-se a Ashley Cole na lista de lesionados. Um gol solitário em um cruzamento na partida em que o Chelsea bateu o Aston Villa por 7×1. Um mínimo erro em uma grande partida do time e então veio Old Trafford.
No sábado, ele foi capaz de fazer com que o Man United jogasse pelo lado esquerdo. Ele causou mais problemas pela frente do que o Manchester foi capaz de causar pela lateral direita.
“Eu podia ver que o Man United estava atacando mais a baixo no lado direito onde estava o Yury [Zhirkov] e às vezes isso acontece”, diz Paulo.
“As equipes escolhem um lado e eles estão mais indo para esse lado e isso pode ser bom para você, mas você precisa sempre estar pronto e preparado, pois o jogo pode mudar.”

“Bom, eu tive dias ruins contra o Manchester United” ele recorda, “mas é sempre bom vencer, porque não há muitos clubes que possam fazer isso em Old Trafford”.
“Todo mundo sabe que temos uma boa equipe e mesmo quando eu estava no Porto, tivemos uma boa equipe por lá e vencemos, e é que vai estar sempre na minha memória e na minha historia. É sempre bom lembrar desses momentos e fico feliz ao lembrar disso”.
Sem o estresse e as tensões de uma temporada longa e dura no corpo, você pode esperar de um jogador 100% para retornar à equipe nesta fase, embora Paulo prefira falar sobre a agitação a fora.
“Eu me sinto muito melhor e muito mais forte fisicamente e mentalmente, porque eu tenho
jogado uma seqüência de jogos. É claro que eu não estou feliz porque os outros jogadores na mesma posição que eu estão agora lesionados, mas a má sorte de alguns pode ser a sorte de outros”.
“Tentaremos dar o nosso melhor para terminar em primeiro lugar e ser campeão, é o que todos querem aqui, e então nós temos a Copa do Mundo e, especialmente, para mim é importante terminar bem e, em seguida, para chegar na equipe nacional em bom estado físico e mental.”


“Eu aproveito cada jogo eu tenho a chance de jogar e de provar a mim mesmo que eu estou indo bem. Eu sempre acredito em mim, nas minhas habilidades e minhas qualidades “, resume Paulo.



No sábado, Paulo enfrentará novamente o ataque do Aston Villa em menos de 15 dias.
“Nós conhecemos bem Wembley, mas será um jogo diferente em um estádio neutro para o jogo do campeonato”, acredita ele.
“A FA Cup é um troféu maravilhoso e a final é um ambiente grande e nós queremos estar lá, mas sabemos que o Aston Villa tem jogadores maravilhosos e com certeza teremos uma equipe diferente do Aston Villa que batemos em Stamford Bridge”.
“É claro que eu também tenho que respeitar o tecnico e suas decisões e esperar pela minha oportunidade, e agora tenho a chance de mostrar que posso jogar neste time e me sinto realmente feliz por isso. Agora eu quero continuar assim.”

fonte:http://www.chelseafc.com/page/LatestNews/0,,10268~2017820,00.html

Comentários

Category: Chelsea Brasil - ImprensaConteúdos Especiais

Tags:

4 comments

  1. Acho que esse ano o Chelsea não vai muito longe. tem jogadores que quando o time mais precisa eles falham. Como Paulo Ferreira,Hilário, Kaloue Anelka. Sinceramente renovar com o Anelka foi demais para mim elee muito ruim. O time não fez nenhuma contratação de imapacto. O Drogba esta machucado, Ashley Cole, esta desmotivado, Mikel é fraco. Alem do mais odono do Chelsa, só pensa em navios luxuoso, como isso esse ano a torcida do Chelsea só vai ve navios.

  2. Acho que esse ano o Chelsea não vai muito longe. tem jogadores que quando o time mais precisa eles falham. Como Paulo Ferreira,Hilário, Kaloue Anelka. Sinceramente renovar com o Anelka foi demais para mim elee muito ruim. O time não fez nenhuma contratação de imapacto. O Drogba esta machucado, Ashley Cole, esta desmotivado, Mikel é fraco. Alem do mais odono do Chelsa, só pensa em navios luxuoso, como isso esse ano a torcida do Chelsea só vai ve navios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.